Arquivo

2016

Browsing

É um pássaro? É um avião? São 5 games de super-heróis imperdíveis do Mega Drive!

Os super-heróis nunca estiveram tão na moda como atualmente, invadindo o mundo dos cinemas, televisão e claro, os videogames. Mas mesmo lá nos saudosos anos 90 o gênero recebeu grandes representantes, especialmente no nosso querido Mega Drive. Selecionamos aqui cinco títulos baseados no universo colorido dos super-heróis que ganharam vida no mundo virtual na tela do 16 Bits da Sega! Veja se o seu personagem favorito está presente e deixe sua opinião em nosso espaço para os comentários! Batman The Video Game O Cavaleiro das Trevas recebeu vários títulos na geração 8/16 Bits e certamente um dos melhores foi “Batman: The Video Game”, jogo inspirado no filme de Tim Burton, lançado em 1991. O game captura bem a essência do longa-metragem em que foi inspirado e tem os seus bom momentos, com gráficos sombrios bem trabalhados, trilha sonora empolgante e design de fases que oferecem um bom desafio plataforma 2D. Outro…

Sonic Adventure completa 18 anos – Relembre

Chega a ser chocante saber que faz dezoito anos que Sonic Adventure foi lançado para o Dreamcast. Além de revolucionário, a aguardada primeira investida tridimensional do azulão também era um dos símbolos da  “mega sofisticada” geração 128 bits, com uma resolução “nunca antes vista em um jogo de videogame”, além de ser um dos jogos mais aguardados da época. Este título é um marco na história do mascote da SEGA. Foi o jogo mais bem sucedido comercialmente do Dreamcast, também foi o primeiro game 3D da saga principal, um dos primeiros títulos lançados para o último console da SEGA, trouxe o visual definitivo para os personagens, além de uma trama surpreendentemente elaborada. O objetivo da desenvolvedora Sonic Team era mostrar ao mundo toda a potência do videogame mais poderoso da época, além de inovar, expandir, e revolucionar a franquia em todos os pontos para uma experiência realmente empolgante. Sonic com…

Muito antes do Steam, Live e PSN: conheça o revolucionário SEGA Channel

Muito se fala hoje em dia na evolução da distribuição digital por conta de serviços como Steam, Live e PSN, só que poucos se lembram ou talvez saibam que a SEGA lançou um serviço que foi revolucionário para a sua época e, até hoje, é referência no ramo de distribuição digital. Vamos falar sobre o SEGA Channel? O futuro é agora O SEGA Channel foi um projeto desenvolvido pela SEGA para Mega Drive, seu console de 16 bits. Ele era capaz de transmitir dados digitais através da TV a cabo. A principal ideia do SEGA Channel, que começou a ser testado em 1994 nos Estados Unidos, era a distribuição de jogos de forma completamente digital, possibilitando aos usuários jogarem títulos completos e, até mesmo, receber demos de games que só seriam lançados em alguns meses. Tudo isso de forma completamente ilimitada, mediante o pagamento de uma mensalidade. De certa forma, isso pode ser comparado…

Som na pista! Vocalista do Information Society também compôs trilhas sonoras no Mega Drive!

Se você gostava de curtir um som ou até mesmo uma “baladinha” nos anos 80/90, certamente deve se lembrar da banda “Information Society”, que teve seu auge exatamente nessa época com suas músicas eletrônicas e hits dançantes, que conquistou uma legião de fãs especialmente aqui no Brasil. Porém, devido a uma série de desentendimentos entre os três membros principais (Paul Robb, James Cassidy e Kurt Harland) a banda foi desfeita em 1993 e cada um seguiu seu próprio caminho na indústria musical – Harland ficou com os direitos e nome da banda e chegou a fazer um álbum solo em 1997 denominado “Don’t Be Afraid”. E foi nessa época que o vocalista, Kurt Harland, enveredou para um novo campo musical: os videogames, sendo que seus primeiros trabalhos foram nos saudosos chips de áudio do Mega Drive! Em 1995 ele compôs para três games do console: “Scooby-Doo Mystery”, da Sunsoft e que segue…

Elas têm a força! Confira 5 games do Mega Drive protagonizados por Heroínas!

Mais do que nunca, protagonistas femininas estão presentes na cultura pop atualmente, seja nos filmes, séries, quadrinhos e claro, nos videogames. Mas anos atrás essa força feminina era quase inexistente nos jogos eletrônicos, que em sua grande maioria eram dominados por personagens masculinos, antes do surgimento da icônica Lara Croft. É claro que tínhamos algumas exceções e felizmente o Mega Drive contou com um número razoável de games com protagonistas femininas, algumas que marcaram época e toda uma geração, e outras nem tão conhecidas assim. Selecionamos aqui cinco títulos memoráveis do console estrelados por jovens e belas garotas que não sonham com o príncipe encantado e não tem medo de colocar a mão na massa na hora de salvar o dia – e até mesmo a humanidade! Vem conosco e confira quem são elas: Valis III A série Valis foi uma das primeiras a ter como protagonista uma jovem garota. O…

Novo jogo “Miniplanets” em desenvolvimento para o Mega Drive

Depois dos títulos “Tanglewood” e “YAGAC MD”, outro fã do eterno Mega Drive está desenvolvendo um novo game para o console, chamado “Miniplanets”. Desenvolvido pelo usuário do Twitter @Sikthehedgehog, o jogo será lançado em formato físico, com caixa, cartucho e manual pelo grupo Goto80, formado por amigos e amantes de retrogames. O game tem como protagonista um simpático personagem que lembra o Opa-Opa da série “Fantasy Zone” da Sega, que deve andar em pequenos planetoides, superar obstáculos e encontrar as chaves necessárias para o próximo nível, em uma estrutura simples, mas bem interessante. O jogo não tem data de lançamento definida, mas a previsão é para o ano que vem. Abaixo você confere um vídeo e a ilustração da capa do jogo:

Tiro, Porrada e Bomba! Confira 5 games de ação intensa do Mega Drive!

Graças ao seu veloz processador, o Mega Drive pode oferecer vários títulos do gênero “Run and Gun”, também conhecido por nós como “correr e atirar”, que a concorrência não tinha capacidade de oferecer com qualidade na época. Esse tipo de jogo era marcado pela ação intensa e furiosa, a enorme quantidade de inimigos na tela, chefões gigantescos, dificuldade insana e claro, “tiro, porrada e bomba” pra todo o lado! Confira abaixo cinco games do gênero que se destacaram no Mega Drive: Gunstar Heroes Falou de “Run and Gun” games é impossível não lembrar do seu mais famoso representante: Gunstar Heroes! Desenvolvido pela Treasure em 1993, empresa a qual era formada por um grupo de ex-empregados da Konami, ele aproveita o “blast processing” do Mega Drive de forma soberba para entregar aos fãs uma aventura com ação frenética no estilo “atire em tudo que aparecer pela frente”! Recheado de fases divertidíssimas,…

Tectoy anuncia personalização do Mega Drive

No final de outubro, a Tectoy surpreendeu o cenário gamer ao anunciar o relançamento do Mega Drive para 2017. Agora, e ainda como parte das comemorações de seu 30º aniversário, a Tectoy anuncia mais uma novidade: A promoção “Meu Mega Drive Personalizado”. A personalização do Mega Drive – confira o exemplo da imagem – permite gratuitamente que, quem comprar ou já comprou o vídeo game, possa colocar um nome ou frase personalizada que acompanhará uma dedicatória “FEITO PARA: NOME OU FRASE”. A oportunidade exclusiva é para compras realizadas até 15/01. Quem já comprou, pode solicitar a personalização também. Valem nomes ou frases de até 15 caracteres. É a oportunidade de se ter um vídeo game em edição única. Uma edição que você determinará limitada. Saiba mais detalhes em meumegadrive.tectoy.com.br

ToeJam & Earl – Ajude os simpáticos aliens em um game super criativo e divertido!

O Mega Drive foi um centro de jogos inovadores pela guerra na preferência dos consumidores. Já falamos aqui do incrível “Comix Zone”, e hoje quem está em pauta é o game “ToeJam & Earl”, lançado para o console em 1991. Venha conosco e acompanhe a história dessa simpática dupla de alienígenas! Naquela época a Sega procurava um mascote para representá-la e para enfrentar o bigodudo do Mario da Big N. “ToeJam & Earl” foi um projeto apresentado para a Sega por Greg Johnson, que usou conceitos de games como o clássico “Rogue” e o scifi de 1986, “Starflight”, para criar os personagens e a história, junto com o programador Mark Voorsanger. A proposta, com uma dupla de aliens funks (funk americano, não confundir com o que temos aqui no Brasil), chegou perto de ser aceita, mas a Sega achou que os dois aliens eram tranquilos demais em suas atitudes e…

Conheça Cleber Casali, fã do Mega Drive que está desenvolvendo um game para o console

O mercado de games independentes (ou simplesmente indies, para os íntimos) cresceu absurdamente nos últimos anos, o que é fácil de se observar pela quantidade de títulos disponíveis em grandes redes digitais como a Xbox Live, PlayStation Network e Steam. Os jogos independentes são uma maneira das pessoas que os produzem, mostrarem suas ideias e focar na diversão do jogador. Não contam com grandes orçamentos (geralmente começam do nada) e amigos e colegas ajudam na produção, com poucos recursos, mas com muita força de vontade, resultando em títulos casuais e simples, mas com grande fator de diversão. No Brasil há várias pessoas e pequenas empresas que se aventuram nesse mercado, algumas alcançando algum reconhecimento (como a WaterMelon do jogo Pier Solar), outras não. Afinal, esse é um campo extremamente concorrido, que necessita de um grande esforço e empenho dos profissionais envolvidos, como é o caso do mineiro Cleber Casali, estudante…