Tag

Mega Drive

Browsing

Phantom Gear, novo jogo indie para Mega Drive, tem demo disponível

Alguns meses atrás postamos aqui no Blog Tectoy uma notícia sobre um novo jogo indie até então conhecido como “Project Genesis”, mas agora oficialmente batizado de Phantom Gear. Conversamos rapidamente com o estúdio argentino Bits Rule Games, responsável pelo desenvolvimento do título, e que nos explicou que o projeto é um jogo de plataformas de ação e aventura. “Nossa heroína Josephine deve lutar contra a Ocular Force, o antagonista de nossa história. Vamos postar mais informações sobre o enredo do jogo em nossas redes sociais em breve”, disse. Este projeto está em desenvolvimento desde o final de 2018, mas antes disso fez vários testes com o hardware, desenvolvendo demos e protótipos. “Quando terminamos nossos testes e encontramos algo de que gostamos, começamos a planejar a primeira demonstração do Phantom Gear e montar um time. No começo éramos apenas dois: Agustín Garcia (programador) e Leonardo Cirius (diretor de arte)”. Garcia e…

O Megão também tem! Confira 5 jogos FPS lançados no console!

Os jogos do gênero FPS (tiro em primeira pessoa), que hoje em dia são tão populares, tiveram sua grande explosão nos computadores na década de 90, sendo representados principalmente pelos antológicos “Wolfenstein 3D” e “Doom”. Nos consoles esse estilo começou a firmar suas bases na geração 32 Bits, que tinha um poder de processamento maior e mais compatível com o gênero, mas isso não significa que a geração anterior não tenha tido os seus representantes, especialmente o nosso querido Megão! Obviamente o gênero estava muito acima da capacidade dos 16 Bits, tornando impossível adaptações fieis aos jogos originais. Mesmo assim, algumas empresas foram ambiciosas e tentaram se aventurar nesse segmento, confira abaixo cinco títulos FPS para o Mega Drive! Corporation/Cyber-Cop Cyber-Cop, também conhecido como Corporation, foi lançado originalmente no computador Amiga em 1990 e é considerado um dos precursores dos jogos FPS. Ele recebeu uma conversão no Mega Drive pela…

Wolverine: Adamantium Rage – Toda a Fúria do Mutante no Mega Drive!

Lançado em 1994, o jogo foi desenvolvido pela Teeny Weeny Games e publicado pela Acclaim no 16 Bits da Sega – também teve uma versão no Super Nintendo lançado pela Bits Studios e LJN, respectivamente. A aventura começa quando Logan recebe uma misteriosa mensagem que o leva a caçar informações sobre seu passado obscuro. Sua busca começa nas Montanhas Rochosas onde se encontra o laboratório secreto da Arma X, um verdadeiro labirinto de plataformas e elevadores. Wolverine terá que usar todas as suas habilidades para encontrar algumas respostas e enfrentar inimigos conhecidos dos quadrinhos como Albert (uma versão robótica dele), o vampiro Bloodscream, Lady Letal, Dentes de Sabre, Cyber entre outros. São sete estágios de puro desafio de ação plataforma 2D, onde além dos inimigos e dos labirintos, o jogador deve passar o cenário antes do limite de tempo acabar. A única boa notícia é que o medidor de Wolverine…

Confira 5 casais incríveis da Sega para o Dia dos Namorados

Do dia 12 de junho, é comemorado o Dia dos Namorados no Brasil, e para homenagear essa data especial, nós aqui do Blog Tectoy resolvemos entrar no clima romântico e relembrar de cinco casais que marcaram jogos da Sega. Alguns realmente são casais, enquanto outros ficam naquele “chove e não molha”, mas que qualquer um consegue ver que existe nem que seja uma faísca entre eles. Venha conosco e confira alguns desses casais marcantes em jogos da Sega! Sonic & Amy Os ouriços também amam, e o mais famoso do mundo também tem a sua cara metade, a querida Amy Rose, que surgiu pela primeira vez no game “Sonic CD” de 1993, onde foi retratada como apaixonada pelo azulão. Oficialmente eles não são um casal, já que Sonic está sempre ocupado em deter os planos diabólicos do Dr. Robotnik/Eggman, mas seja nos games, quadrinhos ou animações, podemos ver que há…

Beyond Oasis – O RPG de ação exclusivo para Mega Drive que fez a concorrência chorar!

Lançado em 1994, “Beyond Oasis” (também conhecido no Japão como The Story of Thor) não é apenas um RPG, mas também um jogo que mistura ação com uma pitada de pancadaria ao estilo “Streets of Rage”, resultando em um título incrível que exala criatividade e diversão por todos os seus poros. O jogo teve produção da empresa de Yuzo Koshiro (isso mesmo, o lendário compositor que fez as trilhas sonoras de Streets of Rage e The Revenge of the Shinobi), a Ancient, com supervisão da Sega. A irmã de Yuzo, Ayano Koshiro, foi a responsável pelo design dos personagens, então agradeçam à moça pelo excelente trabalho. O jogador assume o comando do jovem aventureiro chamado Príncipe Ali, que explora uma ilha e encontra um artefato mágico chamado Gold Armlet (Bracelete Dourado). Um espírito então aparece diante de Ali e diz: “Muitos anos atrás, uma batalha devastadora ocorreu nas terras do…

Road Rash – Sem limites de velocidade e pancadaria!

Lançado em 1991 para o Mega Drive, “Road Rash” é mais um daqueles jogos que davam ao 16bits da Sega aquele ar de “bad boy” e de “cool”, quando comparados aos concorrentes da época – ele também está em nossa lista de Top 5 Jogos de Corrida Imperdíveis do Mega Drive. O conceito era simples: um jogo de corridas ilegais de motos. No entanto, a questão primordial de “Road Rash” não é simplesmente o conceito, mas sim o quão boa e perfeita foi a execução visando o entretenimento eletrônico. O jogo permite que você selecione cinco localidades distintas para um racha com motos esportivas à toda velocidade. Como se tratam de corridas ilegais elas não se passam em circuitos fechados, mas sim nas ruas e estradas comuns, possuindo todo tipo de perigos que esse tipo de modalidade pode proporcionar. Cada corrida possui 15 corredores e todo o tipo de obstáculo que…

Sega revela todos os jogos e mais algumas surpresas para o Mega Drive Mini

A Sega apresentou nesta terça-feira uma live-stream especial sobre o Mega Drive Mini, onde nos apresentou os últimos 10 jogos – além de mais dois extras, resultando então em 42 títulos, que incluem os da Sega e várias third parties. A grande surpresa foi o anúncio de Tetris, provavelmente um dos títulos mais raros (e caro) do Mega Drive. A Sega chegou a desenvolver uma versão do popular game de blocos, criado originalmente para computadores russos nos anos 80. Infelizmente o seu lançamento no Japão acabou barrado pela Nintendo, que adquiriu os direitos exclusivos do título para o seu portátil Game Boy em 1989. Sem alternativas, a Sega destruiu as cópias fabricadas, mas algumas sobraram – e reza a lenda que há menos de 10 cópias voando por aí. Em 2011 uma cópia autografada pela seu criador, o russo Alexey Pajitnov, estava à venda no Ebay pelo astronômico valor de…

Conheça as incríveis pinturas de Boris Vallejo e Julie Bell que serviram de capa para jogos clássicos

Você talvez não saiba quem é Boris Vallejo, mas se é fã de games é muito provável que já tenha visto seu incrível trabalho de ilustrador em games clássicos como “Golden Axe II”, “Golden Axe III”, “Ecco the Dolphin” e “Phantasy Star IV”. Nascido em Lima, Peru, em 1941, Vallejo começou a fazer ilustrações aos 13 anos e teve seu primeiro trabalho profissional apenas com 16. Ele frequentou a Escola Nacional de Belas Artes do Peru antes de imigrar para os Estados Unidos em 1964, onde trabalhou com personagens de quadrinhos populares da época como Tarzan, Conan o Bárbaro, Doc Savage e vários outros personagens, em sua maioria com temas de fantasia e ficção científica. Não demorou muito para que o artista ficasse bem conhecido pelo seu estilo surrealista/hiper-realista, com destaque para personagens musculosos e mulheres voluptuosas – em especial bárbaros, mulheres guerreiras, bruxas e monstros. Logo surgiu convite de…

Castlevania: Bloodlines – Caçando Vampiros no Mega Drive!

No começo da era 16 Bits a Nintendo manipulava a maioria das grandes desenvolvedoras com contratos de exclusividade de games para as suas plataformas, fato que prejudicava bastante a Sega e o seu Mega Drive. Felizmente durante os anos 90 esse monopólio acabou e games que antes eram vistos apenas nos consoles da Nintendo, começaram a sair no 16 Bits da Sega, sendo “Castlevania: Bloodlines” um desses títulos. Em 1994 os fãs do Mega Drive finalmente contavam com um jogo inédito e exclusivo da série Castlevania em seu console, trazendo algumas novidades interessantes. Para começar, o título apresenta um nível de violência e sangue bem maior do que os jogos da Nintendo (que era conhecida por suas exigências de censura). O inimigo aqui não é apenas o Drácula, mas também sua sobrinha que deseja ressuscitá-lo. Há dois personagens para serem escolhidos e os ambientes e cenários não se passam apenas…