Tag

Streets of Rage 2

Browsing

10 jogos do Mega Drive com gráficos impressionantes

O lendário console 16 bits da SEGA, o Mega Drive, contava com uma capacidade gráfica bem acima da média durante sua época de lançamento no fim dos anos oitenta, mas evidentemente, está “datado” para os padrões atuais, certo? Errado! Dependendo do jogo, os visuais continuam bonitos até os dias de hoje, resistindo bem a ação do tempo. Pensando nisso, decidimos selecionar hoje dez jogos do Megão que contam com gráficos ótimos. Nós da Tectoy procuramos sair um pouco dos games “clichês”, sendo estes destinados a parte de “menções honrosas”, que contam com outros dez títulos. OBS: Não estão em ordem de importância Aladdin https://www.youtube.com/watch?v=ngqx0rq7ACg Sendo um dos games mais bem sucedidos comercialmente do Mega Drive depois dos dois primeiros Sonics, os jogos do Aladdin prezam muito pela qualidade visual, tanto no Master System, quanto no Mega. Desenvolvido pela Virgin e com gráficos feitos pelos animadores do próprio longa-metragem, a tecnologia…

10 remixes de músicas do Mega Drive! Conhece todas?

Hoje em dia, os videogames possuem som com qualidade “de ponta” e há trilhas sonoras com orquestrações inteiras, bandas e por aí vai. Antigamente não funcionava assim, já que os videogames da época necessitavam de um chip destinado às músicas que simulava os instrumentos da vida real. Daí veio o conceito das músicas em chiptune. O chiptune é o que muitos conhecem como “músicas de videogame”, com aquele som bem característico que, se por um lado era limitado quando comparado aos padrões atuais, mas por outro tinha músicas tão memoráveis quanto. No caso do Mega, o chip era o YM2612, desenvolvido pela Yamaha que inicialmente foi planejado para os arcades, e justamente por isso a SEGA quis incluí-lo em seu console, representando sofisticação técnica. Como o console tem músicas memoráveis “para dar e vender”, decidimos selecionar dez remixes de músicas clássicas feitas por fãs. E você? Qual música do Mega…

Porrada comendo solta em Streets of Rage II para Master System!

Assim como ocorreu com o primeiro jogo da série, Streets of Rage II também recebeu uma versão para Master System, a qual apesar de ser tecnicamente inferior em tudo se comparado com o game para Mega Drive, é mais um dos títulos que exibem aquilo que o videogame 8 bits da Sega era capaz de fazer. Lançado em 1993 para Master System, tendo chegado oficialmente ao Brasil através da Tectoy dois anos depois, trata-se de um game com um dos melhores gráficos que existem no console. Não apenas isso, mas a trilha sonora é bastante fiel àquela presente no Mega Drive, mostrando que Yuzo Koshiro soube aproveitar com maestria as capacidades sonoras do Master. Gráficos e músicas excelentes para o Master System O que mais tem de diferente? Algo que você percebe antes mesmo de começar a descer a porrada na quadrilha do vilão Mr. X é a ausência de alguém. Na tela…

Streets of Rage 2 – Uma surra na trilha sonora num dos clássicos de pancadaria do Mega!

Aproveitando o sucesso que os jogos de pancadaria faziam nos fliperamas no final da década de 80 e a versão bem “meia – boca” que o rival Super Nintendo ganhou do clássico “Final Fight”, a Sega apresentou aos seus fãs o seu próprio beat’m up no final de 1991: “Streets of Rage” – saiba mais dessa história clicando aqui. É claro que o grande sucesso que o game gerou deixou os fãs sedentos por mais aventuras nas “Ruas da Fúria”, o que felizmente não demorou a acontecer. O diretor do primeiro game, Noriyoshi Ohba – leia entrevista com ele -, foi chamado de volta para comandar a sequência, que também contava com o nome do compositor Yuzo Koshiro, que já estava famoso pelos seus trabalhos excepcionais em “Streets of Rage” e “The Revenge of Shinobi”. Na época “Street Fighter II” já fazia um enorme sucesso e podemos perceber algumas influências…

Confira entrevista com diretor de “The Revenge of Shinobi” e “Streets of Rage”

“The Revenge of Shinobi” e “Streets of Rage” são com certeza dois clássicos absolutos do Mega Drive, que além do console, compartilham outra coisa: o nome de Noriyoshi Ohba, que foi o diretor de ambos os jogos. Ele iniciou sua carreira de game designer em 1987 quando começou a trabalhar na Sega, sendo o seu primeiro trabalho o título “Wonder Boy in Monster Land” para o Master System. Mas o seu grande momento veio mesmo com “The Revenge of Shinobi” lançado em 1991 e introduzindo o ninja Joe Musashi no 16 Bits da Sega. Logo após começou outro projeto e em 1991 emplacou outro sucesso, “Streets of Rage” – ele dirigiu também as outras duas sequências. Ohba ainda trabalhou nos games “Clockwork Knight”, “Sakura Wars”, “Nights into Dreams”, “Skies of Arcadia” para Saturn/Dreamcast, entre outros, até deixar a Sega em 2004 e trabalhar em outras empresas até que em 2010 se…

Trilhas sonoras de Streets of Rage, Golden Axe, OutRun e outros recebem LPs remasterizados

Atenção fãs de trilhas sonoras da Sega e dos “bolachões” LPs (os nostálgicos discos de vinil), pois a empresa fonográfica inglesa Data Disc, em parceria com a Sega, lançou no final de 2015, remasterizações dos dois primeiros clássicos de pancadaria “Streets of Rage” – que estão entre os melhores de todos os tempos na história musical dos games. Mas a notícia fica ainda melhor, pois além de “Streets of Rage”, outros clássicos como Golden Axe 1 e 2, Shinobi III (já esgotado), OutRun e Shenmue também estão disponíveis, pelo preço de £19.99 (cerca de R$ 83, na cotação do dia). Certamente itens obrigatórios para colecionadores e fãs da Sega. Você pode comprar os LPs no site oficial da Data Disc (pode inclusive ouvir o trecho de algumas músicas). Confira abaixo as belíssimas capas dos LPs: