Aqueles que assistiram ao longa metragem do azulão (continue lendo apenas se você assistiu) e são fãs hardcores da série perceberam algo bem curioso: há um clã de equidnas que aparece logo nos primeiro minutos, enquanto o Sonic ainda está na Green Hill Zone.

Eles são a principal razão pela qual o mascote precisa correr e acaba parando no planeta Terra. No entanto, você sabia que eles existem nos games e também nos quadrinhos?

Dentro da história dos jogos, o Knuckles Clã são os antepassados do Knuckles, sendo que este último teve seu nome em homenagem a esta tribo, sendo o último descendente deles.

História dos Knuckles Clã nos games!

Há quatro mil anos, o equidna Pachacamac foi nomeado o líder de sua tribo, e este, com sua ganância em querer conquistar novos territórios, acabou iniciando inúmeras guerras, matando outros animais e desse modo expandindo a Knuckles Clã em um grande império. Sua filha, Tikal, não concordava com as atitudes do seu pai, rendendo inúmeras brigas entre ambos.

Eventualmente os membros da Knuckles Clã acabam tendo que enfrentar uma outra tribo de equidnas que também tinha a pretensão de expandir seus territórios, os Nocturnus, sendo que estes tinham uma suprema vantagem: a tecnologia. Enquanto os Knuckles batalhavam utilizando apenas a força bruta, os Nocturnus já tinham robôs de guerra altamente avançados.

A única saída de Pachacamac era usar o poder das esmeraldas que ficavam em um santuário próximo ao seu reino, sendo que estas dariam aos equidnas o poder necessário para derrotar os Nocturnus.

No entanto, sua filha, Tikal, protegia o santuário onde havia as esmeraldas e também a Esmeralda Mestre. Ela se joga na frente de seu pai tentando convencê-lo que as guerras não levariam o povo a lugar nenhum. Sem ouvir suas palavras, Pachacamac manda seus soldados passarem por cima de sua própria filha e, na confusão, esta acaba caindo inconsciente no chão.

Tikal não concordava com o rumo que seu pai estava levando o clã de equidnas.
Tikal não concordava com o rumo que seu pai estava levando o clã de equidnas.

Ao subirem o altar para pegar as esmeraldas, os equidnas se deparam com uma estranha criatura feita de água que era guardião do local. Este utiliza o poder das esmeraldas antes dos equidnas e se transforma em um gigantesco dragão, dizimando os Knuckles Clã quase que integralmente.

Ao recobrar a consciência, Tikal percebe toda a confusão e, sem escolhas, recita um mantra ensinado por sua avó e sela o monstro de água junto com ela mesmo dentro da Esmeralda Mestre. Desse modo, ela poderia parar com a destruição que a criatura líquida estava causando.

Tikal e Chaos ficaram presos dentro da Esmeralda Mestre por quatro mil anos, até serem libertados pelo Dr.Eggman em Sonic Adventure.
Tikal e Chaos ficaram presos dentro da Esmeralda Mestre por quatro mil anos, até serem libertados pelo Dr.Eggman em Sonic Adventure.

Os poucos sobreviventes da tribo de equidnas então nomearam a criatura líquida como “Chaos”, o deus da destruição, enquanto as esmeraldas também passaram a ser chamadas de “do caos”, por trazerem o caos para o mundo.

Nesse período, os Nocturnus acabaram dominando por um breve período o mundo do passado, mas um misterioso evento, até hoje desconhecido dentro da série Sonic, fez com que eles ficassem selados em uma outra dimensão.

A pergunta que fica é: será que em um futuro filme do Sonic saberemos o porquê os Knuckles Clã perseguiram o ouriço no início do longa? Muito suspeita aquela cena inicial, não é mesmo? Será que no longa eles terão uma continuidade 100% inédita ou eles vieram de um passado distante para remeter aos games? O jeito é esperar para ver!