Tag

Castlevania Bloodlines

Browsing

Ocidente vs Oriente: A Confusão de Capas e Nomes!

Hoje em dia, graças ao avanço tecnológico e à globalização, os mais variados produtos seguem uma padronização massificada nos diferentes mercados mundiais, o que claro inclui os jogos de videogames. Um mesmo jogo, por exemplo, pode ser lançado em diferentes países de forma simultânea, ou com poucos dias de diferença, alterando-se apenas a sua localização para o idioma desejado – em alguns casos, o próprio jogo já oferece várias opções de idiomas. Mas lá nos “jurássicos” anos 80/90 as coisas eram bem diferentes. Cada mercado tinha grandes diferenças e variações culturais entre si, sem as opções da “informação instantânea” que a internet nos proporciona hoje. Naquela época o Japão era o principal fornecedor de games, sendo que muitos desses títulos tinham várias referências à cultura oriental, que não era muito difundida no ocidente. Além de levar meses para chegar ao outro lado do mundo, vários jogos sofriam “adaptações” para o público…

Confira 10 jogos do Mega Drive para se jogar no Dia das Bruxas

Dia 31 de outubro, o Dia das Bruxas, ou Halloween como é mais conhecido nos EUA, é um evento tradicional e cultural dos países de origem inglesa, mas que graças à globalização, vem crescendo aos poucos aqui no Brasil. Podemos não ter as casas enfeitadas, as festas à fantasia super produzidas ou mesmo sair pelas ruas com a famosa frase “gostosuras ou travessuras“, mas de uma coisa gostamos tanto quanto os estrangeiros: jogos de terror! E para comemorar o dia do coisa-ruim-tinhoso, do gato preto e das bruxas que estão soltas, fizemos um Top 10 com uma lista de jogos assustadores do Mega Drive para você conhecer ou relembrar. O 16 Bits da Sega possui uma boa biblioteca de jogos de terror, já que era um console que dava grande liberdade para as desenvolvedoras e não tinha muitas censuras, ao contrário dos rivais. Era o videogame que mais pingava sangue!…

Castlevania: Bloodlines – Caçando Vampiros no Mega Drive!

*Atendendo aos pedidos de Diogo Gomes e Magno Jose, realizados no Facebook oficial da Tectoy. No começo da era 16 Bits a Nintendo manipulava a maioria das grandes desenvolvedoras com contratos de exclusividade de games para as suas plataformas, fato que prejudicava bastante a Sega e o seu Mega Drive. Felizmente durante os anos 90 esse monopólio acabou e games que antes eram vistos apenas nos consoles da Nintendo, começaram a sair no 16 Bits da Sega, sendo “Castlevania: Bloodlines” um desses títulos. Em 1994 os fãs do Mega Drive finalmente contavam com um jogo inédito e exclusivo da série Castlevania em seu console, trazendo algumas novidades interessantes. Para começar, o título apresenta um nível de violência e sangue bem maior do que os jogos da Nintendo (que era conhecida por suas exigências de censura). O inimigo aqui não é apenas o Drácula, mas também sua sobrinha que deseja ressuscitá-lo.…