Para mostrar o poder de fogo do Mega Drive, a Sega lançou em 1989 “The Revenge of Shinobi” (conhecido como Super Shinobi no Japão – saiba mais), uma sequência de “Shinobi”, lançado em 1987 e que era bastante popular nas casas de fliperamas ao apresentar um ninja no mundo moderno – recebeu uma versão para Master System em 1988.

Embora apresentasse o mesmo tema da versão arcade, o design e sistema de jogo foram completamente alterados para destacar os atributos do Mega Drive, o que fez o game ser tão bem sucedido e popular no mercado, lembrado com carinho pelos fãs até os dias de hoje.

A história se passa três anos depois do game original, com a organização criminosa Zeed reformulando-se e passando a se chamar “Neo Zeed”. Decidida a se vingar do clã Oboro do ninja Joe Musashi, que frustrou seus planos no passado, essa nova organização mata o seu mestre e rapta sua noiva, Naoko. Mais uma vez, Joe Musashi viaja para os Estados Unidos para vingar o seu mestre, botar fim nos planos da Neo Zeed e salvar Naoko antes que seja tarde demais.

shinobi03

Abaixo você confere uma descrição retirada do manual do game:

Nos refúgios impenetráveis das montanhas japonesas existem guerreiros místicos. Eles são os Ninjas, mestres da batalha, que possuem poderes aparentemente impossíveis. Em combate, eles podem saltar a deslumbrantes alturas; Quando atingidos, permanecem ilesos; Do céu, eles podem invocar chamas para torrar seus inimigos.

Joe Musashi estudou as técnicas Ninja desde que era pequeno. Ele já foi o mais fraco de seu dojô, facilmente dominado por todos, mas agora, depois de anos de práticas e meditação, ele finalmente dominou a habilidade de Ninjitsu; A arte de se esconder e enganar, a arte da Katana e do Shuriken, e o controle dos quatro elementos através da magia Ninja. Ele se tornou Shinobi. Ele vê e sabe tudo. Suas mãos e pés são letais. Em suas mãos, qualquer instrumento é uma arma mortal.

Agora o sindicato criminoso do mal Neo Zeed enviou seu ninjas, soldados e espiões para dominar o mundo. Como uma advertência para o clã de Oboro, eles assassinaram o sensei do Musashi, e sequestraram a bela Naoko. Shinobi jurou vingar a morte de seu mestre. Ele não parará até que o último dos subordinados do Neo Zeed seja destruído. Ele nunca dorme. Ele nunca para. E ele nunca desiste!

Além da ótima qualidade apresentada pelo jogo, tanto visual e sonora, equivalendo-se aos arcades da época, “The Revenge of Shinobi” rapidamente virou um grande sucesso e uma boa razão para se comprar um Mega Drive. Com gráficos incríveis, design artístico inspirado e uma trilha sonora sensacional assinada pelo mestre Yuzo Koshiro (com direito ao nome estampado na tela título e com temas musicais inesquecíveis que vão desde do techno até o jazz e hip-hop), o jogo é um dos clássicos imperdíveis do console.

shinobi04

Malditos ninjas, estão por toda parte!

A nova aventura de Joe Musashi é composta por oito longos estágios (cada um com três atos, sendo o terceiro reservado para o chefão) no bom e velho estilo plataforma 2D e ação multi-scrolling (tanto lateral como superior e inferior) com ambientes dinâmicos, cenários de fundo com efeito parallax (que se movem em camadas diferentes, criando uma profundidade visual muito agradável, ao invés de uma tela estática típica dos 8 Bits) e personagens enormes na tela extremamente detalhados.

Os cenários ao longo das fases são bem inspirados e até hoje ainda impressionam, como as belas cascatas da Tokyo Waterfall, as folhagens voando pelos cenários, a mudança de dia para noite, a lua se levantando ao fundo. Pequenos detalhes mas que para aquela época faziam uma diferença incrível entre os jogos da geração 8 para os de 16 Bits.

shinobi05

Curiosidades: o jogo original possui várias referências à cultura pop norte-americana, como inimigos que lembram o Rambo e chefões como o Exterminador do Futuro, Hulk, Homem-Aranha, Batman e Godzilla (ok, esse é japonês). Com o passar dos anos e lançamentos em mercados estrangeiros, o jogo teve várias versões/alterações devido aos direitos autorais dessas imagens, que tiveram sua aparência alteradas – quando lançado no Virtual Console, por exemplo, o Homem-Aranha foi substituído por um personagem rosa e Joe Musashi da tela título também foi alterado para remover sua semelhança com o ator Sonny Chiba como o ninja Hattori Hanzo.

Por fim, após 24 desafiadores levels, o jogador deve atravessar um labirinto mortal (boatos que há pessoas perdidas lá até hoje!) para chegar até o chefão final e um desafio duplo: derrotar o Kabuki Master antes que a parede esmague Naoko, o que pode render dois finais diferentes.

The Revenge of Shinobi” é simplesmente mais um clássico imperdível do nosso querido e bom Mega Drive, com diversão garantida. Acha que pode encarar um dos melhores desafios ninjas da geração 16 Bits?

Quer saber mais curiosidades sobre o game? Então confira esta entrevista com o diretor do jogo, que conta detalhes interessantes sobre o seu desenvolvimento.

shinobi06

  • Patrick Preusser

    Me perdi e não sai mais do labirinto.

  • Marcelo Tavares

    Simplesmente um dos melhores jogos senão o melhor jogo do Mega Drive de todos os tempos ^_^